sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Limpeza e Conservação de Pincéis

A postagem de hoje é uma dica muito legal de como limpar e conservar seus pincéis. 

A Condor fez um vídeo informativo bem detalhado e achei legal dividir com vocês!


segunda-feira, 22 de outubro de 2012

A Turma do Meio Ambiente!

Olá pessoal!
Pra variar um pouco, demorei um "tiquinho" pra voltar a postar novidades, desculpem... mas é o tempo cada vez mais curto, muito trabalho... Que bom, né? rsrsrs

Bem, hoje vou apresentar os bonecos que criei para o parque Estadual Alberto Löfgren (conhecido na Zona Norte de São Paulo como "Horto Florestal"), confeccionados em parceria com minha "irmã" Maria Bob. A equipe de meio ambiente do parque, precisava de bonecos para que eles pudessem falar da importância da preservação de nosso planeta as crianças que frequentam as atividades do local.

Depois de uma reunião, resolvemos que as personagens seriam: o macaco Prego, o tucano, o  esquilo (muito encontrados no parque), além de duas crianças, o Beto e a Juju. 


Seguem as fotos, espero que gostem! 

Macaco prego de frente
Dimensões: 40cm de altura
Material: Espuma, tecido para encapar o rosto e pelo sintético para o corpo


Perfil.

Juju de frente.
Dimensões: 40cm de altura
Material: Espuma, tecido para encapar a boneca


Perfil

Beto de frente
Dimensões: 40cm de altura
Material: Espuma, tecido para encapar o boneco


Perfil

Tucano de perfil
Dimensões: 30cm de altura
Material: Espuma, tecido para encapar o boneco


De frente

Esquilo de frente
Dimensões: 30cm de altura
Material: Espuma, tecido para encapar o boneco


Perfil.

Optei pela forração da espuma para dar mais durabilidade aos bonecos.

Como cenário, eles encomendaram uma tecido simples, apenas com alguns apliques de folhagens e árvores. Uma folha que não podia faltar era a "Costela de Adão", muito encontrada no Horto. 

Nesse tecido fizemos 2 "janelas", por onde os bonecos apareciam. Na foto não dá para notar muito bem porque estão fechadas, mas se olharem com atenção, verão o contorno de uma delas sobre o pinheirinho (esquerda) e uma maior no terceiro galho (de baixo para cima) da árvore.

E para finalizar, uma foto já com o público, no dia da estréia!


domingo, 27 de maio de 2012

Lançamento!

Como meu blog não é somente para divulgar meu trabalho, mas também coisas que gosto, convido vocês para o lançamento do livro "O NAMORADO DO PAPAI RONCA", de autoria de meu querido amigo Plínio Camillo. Quem não teve a oportunidade de conhecer suas "linhas", pode lê-las na página do IBAC ou no blog do Plínio. Esperamos vocês lá!!

CONVITE:
Data: 16 de junho de 2012
Local: Espaço Mundo Mundano
Endereço: Rua Mourato Coelho, 25, Pinheiros - São Paulo
Horário: 17 hs


terça-feira, 1 de maio de 2012

Copos de Leite

Há muitos anos não pintava flores. Na verdade acho que desde que tinha 16 anos, olha que faz tempo... rsrsrsrs
A natureza morta não me atraía, achava tudo - como o próprio nome diz -  "morto", estático, sem vida.

Acabei me dedicando à arte naïf, minha inspiração... mais cores, mais vida, nela tem tudo do que mais gosto e admiro. 

Bem... Mas recentemente recebi uma encomenda da minha cliente Eva para pintar copos de leite. Na hora disse a ela que minha pintura era naïf, intuitiva, o chamado "clássico" não era meu estilo. Indiquei uma amiga minha, que tinha a técnica e poderia fazer o trabalho. Claro que estou falando da minha "irmã" Maria Bob, porém ela estava sem tempo e com muitas encomendas, iria demorar um pouco e minha cliente tinha pressa... Então o que fazer? Arriscar ora!?

Busquei nas minhas memórias da adolescência, pesquisei a forma do copo de leite, as cores, a luz e busquei dar o movimento que sinto tanta falta nesse tipo de pintura. E eis meus copos de leite! Minha cliente adorou, espero que vocês também gostem.

Tela de 1,40m x 80cm. Técnica: acrílica sobre tela

 Mais de pertinho...


Detalhe...




Material:
Tela Francis Arte
Pincéis da Condor (parceiro)
Espátulas artísticas de metal da Condor
Tinta acrílica Gato Preto
Massa TextuArt


terça-feira, 10 de abril de 2012

O Sucesso do Papel Machê...

Olá a todos, lembram da oficina de papietagem e papel machê que iniciei no dia 04/02/2012 na Associação Esportiva e Cultural "União Guarulhense"
Pois é, está sendo um sucesso! Todo Sábado chega um aluno novo curioso para ver o que estamos fazendo, vai só pra olhar... Mas acaba ficando de vez, rsrsrsr
Agradeço a SUTACO, a qual sou cadastrada, pois é ela que está proporcionando esta oficina na Associação, assim como em muitas outras ongs, permitindo que os artesãos trabalhem e passem adiante sua arte.
 
As atividades do espaço estão sendo revitalizadas pelo esforço e perseverança de seu presidente: Jorge Amâncio de Azevedo. A proposta é fazer um movimento cultural e educativo, além do esportivo, é claro, dessa forma atraindo a população local e principalmente dando novos horizontes as crianças. 

Jorge, que além de presidente da associação é professor de futebol, faz questão que seus alunos frequentem o curso de artesanato. No início achei meio arriscado, pois normalmente os meninos não se interessam muito e acabaria sendo meio que "obrigatório", mas qual foi minha surpresa em ver aqueles olhinhos curiosos, atentos e interessados em cada coisa que ensinava, muito bom! É a primeira vez que a maioria de meus alunos é do sexo masculino, incrível! 

Além dessa diferença, há também a diferença da faixa etária, tenho desde uma aluna de 9 anos até uma "criança" de 85 anos... essas diferenças exigem mais atenção de minha parte, mas está saindo tudo muito bem, um respeitando o outro, seu tempo e seu espaço... 

Bem, chega de palavras, pois quero mostrar aqui com maior orgulho meus alunos. No final da postagem segue um vidiozinho que fiz durante a produção deles. Depois posto mais fotos.

 Material apresentado no primeiro dia de aula

Iniciando a explicação sobre a construção da peça que iremos fazer, utilizando garrafa pet.

   Meninos com a mão no papel

Samuel concentrado, picando papel para a papietagem.

Gustavo iniciando a papietagem e compartilhando o material

 Gabriel atento nas camadas de papel

 Gustavo Henrique concentradíssimo...

 Wilson trabalhando a paciência, coisa que ele diz que não tem, é muito ansioso e de acordo com ele a oficina está ajudando nesse lado, que bom!

 Jorge não podia ficar de fora, aluno atento.

 I
 Início da confecção da Baianinha de Dona Nadir. 

 O "nascimento" da ovelhinha...

 Ovelhinha de papietagem da Cristina, será um peso de porta.

 Mais alunos! casa cheia! Repetindo a explicação para os alunos novos e dando continuidade aos trabalhos dos alunos que estão desde a primeira aula.

 As meninas muito concentradas também.

Samuel, Roberta, Tainara, Pedro e eu.

"Casa" cheia, quase não tinha lugar para todos.

Dona Nadir, mesmo com sua dificuldade no manuseio devido a um problema em suas mãos, fez a papietagem perfeitamente, com muita calma...

 ...demorou, mas conseguiu!

Marcos Vinícius, trabalhando sua hiperatividade...

Explicando como desmanchar o papel para o machê.

 Mais gente nova no pedaço!

Todos criando. Carol (esquerda) modelando a peça com todo o cuidado, olha o detalhe da mãozinha...

 Vinícius e George, mão na massa, aprendendo a fazer o papel machê e Guilherme colando papel.

 Cristina desmanchando mais papel para a massa.

Pedro e Samuel aplicando a massa na peça e Matheus ao fundo, alisando com todo o cuidado a massa.

Carol escondidinha atrás da peça e Hugo admirando a criatividade do George

 George definindo os músculos de seu lutador, utilizando  o papel machê

O Palhaço feito pelo Gustavo, carregando um bebê nas costas, não é demais!

 Agora a frente do palhaço. Olha o detalhe do cachecol...

 Pedro, além de seu boneco, fez esta capa de caderno. Muito bom ver a criatividade aflorando livremente...

Dona Nadir com muito cuidado aplicando a massa de papel machê em sua Baiana.

Guilherme e Luccas, mais dois novos alunos... ufa! enquanto na mesa maior estavam os alunos mais antigos aplicando massa e finalizando suas peças, oriento os dois em uma mesa reservada para poder dar mais atenção.

 Cristina, apressadinha, não resistiu, pintou sua ovelhinha em casa e trouxe na aula pronta. Vamos ter que repintá-la, pois ela usou tinta de tecido, que sai facilmente neste caso, mas valeu a tentativa, temos que arriscar também! Agora ela está fazendo um vaso para suas flores...

video
 Neste vídeo, um trechinho da aula, durante um "respiro" que tive enquanto estavam todos trabalhando...